BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Como comprar um carro usado sem ter dores de cabeça?

Cinco dicas para facilitar a compra de um modelo usado ou seminovo.Selecionamos as dicas essenciais para um boa compra

Em tempos de dinheiro escasso, identificar um bom negócio é algo essencial. Além disso, sempre existe alguma montadora que reajusta o preço dos veículos zero quilômetro e diminui os itens de série, o que resulta em valores que colocam  a maioria dos modelos distante do considerado uma boa compra. Assim, equipamentos básico como um simples ar-condicionado, se tornam um “luxo”, isso falando apenas nos itens de conforto.  

A questão fica ainda pior quando os itens analisados são equipamentos de segurança, como airbags laterais, controle de tração e de estabilidade ou freios a disco nas quatro rodas, por exemplo.Itens esquecidos ou que o consumidor brasileiro não tem a cultura de valorizar. Além disso, muitos consumidores preferem fechar os olhos para as vantagens de um usado ou seminovo com a desculpa de que é complicado identificar uma boa compra.

comprar carros usados

Para ajudar nesse momento, separamos cinco dicas preparadas pelos consultores do site Reclame Auto.

1-Defina o modelo que deseja.

 

É fundamental saber o tipo de veículo que melhor atenda os objetivos que deseja. Não adianta comprar um modelo potente se você precisa de economia, ou um modelo esportivo para viajar com a família.              Procure uma concessionária da marca do carro pretendido, geralmente elas oferecem alguma garantia e os dados do veículo são mais precisos.

2-Saiba escolher aonde comprar

 

Os ambientes mais apropriados para comprar um carro costumam ser as lojas ou concessionárias, pois, são espaços especializados, portanto, sabem reconhecer um veículo recuperado de um sinistro e com bloqueios administrativos. Locadoras também são uma boa opção.

3- Quais itens checar?

É importante verificar os itens de segurança, desde a validade do extintor de incêndio, chave de rodas, triângulo até as condições do estepe.
Verifique o nível de óleo, água e tente saber o histórico de manutenção do veículo. Procure o manual do proprietário.

No Detran de cada Estado é possível realizar uma vistoria, gratuita e atesta a autenticidade da legalidade do motor e do chassi do veículo, além dos equipamentos obrigatórios (como pneu, extintor e espelhos retrovisores, entre outros).

4-O que observar na parte mecânica?

Ligue o carro e deixe-o funcionar em marcha lenta. Verifique os ruídos na cabine, a vibração do volante e da alavanca de câmbio. Dê uma volta no quarteirão para checar se existe folga no pedal de freio e como o veículo se comporta ao passar por um piso irregular. Se possível, leve um mecânico de confiança.

5- Saiba descobrir se o veículo foi batido ou sofreu enchente?

Muitas vezes, quando bem feito, o conserto é quase imperceptível. Mas, verifique o alinhamento das portas, capôs e porta-malas, se há irregularidade nos tons da pintura e olhe os parafusos das portas e tampas, quando vêm de fábrica, são pintados na cor da carroceria. Pintados de outros tons podem ter sido reparados. 

Recomendados para você:


Seja um visitante premium, receba nossas novidades no email:

Digite seu email :

Delivered by FeedBurner

Sobre Almy Fróes

Almy Fróes é Analista de TI, problogger e entusiastas de novas tecnologias, além do Comofazer.etc.br escreve no Guia dos solteiros & mestre dos sites

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *