BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Fone de ouvido: os 100 anos de evolução do acessório

O fone de ouvido é um acessório que faz parte do cotidiano de muitas pessoas, sendo considerado por muitos quase um item de sobrevivência ao dia a dia. Afinal, ele é essencial para os amantes da música e para proporcionar momentos de relaxamento e descontração, mesmo durante o trabalho.

 

Resultado de 100 anos de evoluções tecnológicas, os modelos que conhecemos hoje são bastante versáteis, leves e até mesmo sem fio. Porém, foi um longo caminho desde a sua criação até o uso do bluetooth, uma das versões que conhecemos hoje. 

 

Quer saber mais sobre a história do fone de ouvido? Então continue a leitura deste post!

 

Da criação à comercialização do fone de ouvido

Em 1919, o americano Nathaniel Baldwin inventou o fone de ouvido para ser utilizado apenas por empresas de comunicação. Sua função era amplificar o áudio transmitido por rádios e telefones, facilitando o contato entre os operadores. 

fone de ouvido 100 anos

Por serem grandes, pesados e pouco confortáveis, esses primeiros modelos nunca chegaram a ser comercializados.

 

Nos anos 1930, uma versão “moderna” e portátil produzida pela empresa americana Beyerdynamic chegou aos consumidores comuns. Contudo, sua popularidade aumentou somente depois do lançamento do primeiro fone de ouvido estéreo no final dos anos 1950.

 

Ter um dispositivo que permitia ouvir música sem atrapalhar as pessoas que estavam no mesmo ambiente era um grande atrativo. Além disso, a experiência tornava-se ainda mais interessante por conta dos dois canais de áudio.

 

A febre dos headphones

Atualmente, o modelo de fone de ouvido mais cobiçado é o headphone. Curiosamente, esse sucesso não é recente. Ele começou no final dos anos 1970 com os famosos Walkmans da empresa japonesa Sony.

 

Revolucionário na sua época, com o aparelho portátil era possível ouvir músicas diretamente das fitas K7. Grande sucesso entre os jovens, outro destaque do produto era exatamente o headphone que o acompanhava.

fone de ouvido

Naturalmente, o acessório foi evoluindo e ganhando novos aspectos. Por exemplo, os modelos conhecidos hoje como fones auriculares foram lançados nos anos 1980. Mais leves que os anteriores, eles se encaixavam anatomicamente dentro da orelha.

 

Isolamento externo e fim dos fios

A evolução do fone de ouvido sempre esteve ligada com a forma como as pessoas consomem música. 

 

No começo dos anos 2000, a tecnologia deu um grande salto e o iPod da Apple substituiu o tradicional Walkman da Sony. Então, a “pequena caixa” possibilitou ao usuário guardar milhares de músicas e com uma excelente qualidade de áudio por conta do formato digital. 

 

Esses avanços permitiram que os amantes da música tivessem uma experiência melhor, mas que também exigissem mais qualidade dos acessórios.

 

Não seria ótimo ouvir os seus artistas favoritos sem interrupção de sons externos? Desta forma, os headphones tornaram-se mais confortáveis do que no passado e com isolamento de ruídos externos. 

 

Sem dúvidas, a evolução mais recente foi a chegada da tecnologia bluetooth. Com ela, as pessoas conseguem ouvir as canções preferidas sem a necessidade de um dispositivo conectado a outro por fios. Tudo funciona através de frequências curtas de rádio, proporcionando uma praticidade incomparável.

 

Certamente, Nathaniel Baldwin nunca imaginou que sua invenção se tornaria algo tão versátil ou que passaria por tantas mudanças. Muito menos que o fone de ouvido seria um acessório essencial na vida de muitas pessoas, mesmo 100 anos depois da sua criação.

 


Seja um visitante premium, receba nossas novidades no email:

Digite seu email :

Delivered by FeedBurner

Sobre Analice

Analice Gomes é redatora, blogueira e estudante de moda. Adora ler e viajar e vive compartilhando dicas e toques legais com vocês aqui no Comofazer.etc.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *