BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Saiba como funciona ter a cidadania italiana 2019

Muitas pessoas descendentes de italianos querem saber como pedir a tão sonhada cidadania italiana. No entanto, a partir do polêmico Decreto Salvini, acredita-se que ficou ainda mais difícil ser reconhecido como cidadão italiano.

O Decreto Salvini foi promulgado em dezembro de 2018, e trata os casos referentes à segurança da Itália, visto que o objeto do Governo visa endurecer as regras e políticas de acolhimento aos imigrantes, bem como refugiados.

Abaixo, você confere tudo o que precisa saber sobre a Cidadania Italiana 2019!

Quem pode tirar a cidadania italiana?

A cidadania italiana acontece por meio do reconhecimento de paternidade. Ou seja, se você só tem nome de italiano, isso não significa que tenha direito à cidadania italiana, da mesma forma em que pessoas que não possuem sobrenome de italiano têm direito, e vice-versa.

cidadania italiana 2019

Poderá pedir a cidadania italiana 2019 as pessoas que possuem descendentes italianos (antenatos). A quantidade de gerações não interfere em nada, visto que é preciso comprovar a ligação com o parente italiano.

Cidadania por derivação materna

Esse assunto confunde muitas pessoas, mas, para entendê-lo, é preciso voltar cerca de 70 anos no passado. Isso porque, antes de 1948, mais especificamente dia 01/01, nenhum direito civil era cedido às mulheres italianas. Ou seja, elas não eram reconhecidas como cidadãs.

Ao casar com um estrangeiro, por sua vez, automaticamente a esposa passava a ser reconhecida como de outro país. Por exemplo, se uma mulher, naquela épica, casasse com um brasileiro, ela virava brasileira.

No entanto, isso era somente válido durante a monarquia, que acabou no início de 1948. Portanto, no dia 01/01/1948 começou a vigorar a lei em que homens e mulheres tinham direitos iguais, a famosa democracia.

Mas o que isso tem a ver? Tem tudo! Pois a partir do dia 01/01/1948, todos os nascidos e descendentes de italianos podem recorrer à cidadania do país. Quem nasceu antes, no caso das mulheres, não.  

Se o seu antenato é uma mulher que teve filhos depois de 1948, significa que você tem direito. Se os filhos nasceram antes da data, significa que não. É meio complicado, mas é assim que funciona.

O que preciso para solicitar a cidadania italiana 2019?

Há uma série de procedimentos que antecedem a solicitação da cidadania italiana 2019. Basicamente, você terá que ir atrás de uma série de documentos do seu antenato italiano, como certidões, tanto de casamento quanto de nascimento.

Ainda assim, todos os documentos precisam de tradução juramentada para a língua do país destino, ou seja, a Itália. É preciso também de uma CNN (Certidão Negativa de Naturalização), ela vai servir para comprovar que seu antepassado não se naturalizou em outro país.

Reuni todos os documentos, como prosseguir?

Agora que você reuniu todos os documentos, você decide se deseja realizar todo o processo aqui no Brasil ou na Itália. A diferença por sua vez está no tempo de espera e no valor gasto com viagens, hospedagem etc.

Geralmente, todo o procedimento pode durar entre 6 e 12 meses, incluindo envio e recebimento das documentações entre os dois países.

Se você ainda não entendeu, dá uma olhadinha nesse vídeo:

 

Recomendados para você:


Seja um visitante premium, receba nossas novidades no email:

Digite seu email :

Delivered by FeedBurner

Sobre Analice

Analice Gomes é redatora, blogueira e estudante de moda. Adora ler e viajar e vive compartilhando dicas e toques legais com vocês aqui no Comofazer.etc.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *